Cavemaster – “In Memoriam” Review

2017 Fatsound Productions

Com um bom álbum de estreia, “Sob O Abismos do Infinito”, lançado no início do ano, inesperadamente, meses depois e a findar o mesmo ano, temos o segundo álbum de originais dos Cavemaster. Passada a surpresa, fica a curiosidade. Se a estreia nos trazia alguma melodia melancólica aliada a um uso de teclados interessante na forma em que proporcianava um ambiente old school ao seu black metal – old school na forma como nos remeteu para a década de noventa quando o black metal melódico ainda era underground – aqui parece que a abordagem é diferente. Continuamos a ter teclados, continuamos a ter melodias, algumas até semelhantes ao que já tínhamos ouvido em “Sob O Abismo Do Infinito” – como a melodia de “Cavernal Pensamento Existencial”. A faceta melancólica e mais compassada continua a ser aquela que mais se sobressai, sendo que é o conceito que está por trás do álbum que acaba por ser o que sobressai mais e acentua essa mesma melancolia. Como o próprio título indica, este é um trabalho de homenagem às pessoas que já partiram e essa toada fúnebre e de saudade, esse sentimento bem português, é o fio condutor de todo o trabalho sem no entanto deixar com que se torne aborrecido – musicalmente falando pelo menos, com alguns momentos uptempo a conseguir trazer a variedade necessária. Ainda assim é um trabalho denso, de difícil absorção mas que fará precisamente que os fãs de black metal depressivo ficarem agarrados.

Nota 8/10

Por Fernando Ferreira

https://www.facebook.com/pg/cavemasterpt

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: