Heróis Por Acaso Review

Grande elenco. É a primeira coisa que salta à vista. Grande grande elenco mesmo. E é um filme que passou completamente despercebido na altura e que poucas pessoas conhecem. Martin Bishop (Robert RedfordÁfrica Minha) é o líder de uma equipa que testa sistemas de segurança, mas ao ser contactado pela NSA (National Securtiy Agency) é chantageado para roubar uma caixa que contém um chip descodificador que permite acesso a todos os sistemas de segurança mundiais encriptados. Desde o serviço de electricidade, à reserva federal, passando pelo sistema de tráfego àreo. Entretanto, depois de terem o chip em seu poder, vai descobrindo que as pessoas que o contactaram estão a trabalhar para outros interesses que não os da sua nação e… não digo mais para não estragar a surpresa.

Grande elenco mesmo com Robert Redford numa representação muito credível, logo seguido por Sidney Poitier (Atirar Para Matar) no papel de um ex-agente da C.I.A.  Donald Crease, David Strathairn (L.A. Confidential) no papel de Whistler, um hacker cego; Dan Aykroyd (1941 – Ano Louco Em Hollywood) no papel de Mother, alguém que não joga com o baralho todo por causa das manias da conspiração – o protótipo de Fox Mulder, talvez um pouco mais alucinado e de aspecto mais abandalhado; o saudoso River Phoenix (Os Exploradores) no papel de Carl Arbogast, um jovem génio da electrónica que apenas quer arranjar uma namorada; Mary Macdonnel (Danças Com Lobos) no papel de uma ex-apaixonada de Martin; Ben Kingsley (Gandhi) na pele de Cosmo, o mauzão da fita que até nem é assim tão mau (embora seja mesmo muito mau) e James Earl Jones (Conan e os Bárbaros) na pele do bom agente da N.S.A.
Simplesmente um dos melhores filmes de hackers de sempre, que apesar de a tecnologia estar desactualizada, está perfeitamente actual. Realizado por Phil Alden Robinson (A Soma de Todos os Medos; Campo de Sonhos)

Nota 8/10 

Support World Of Metal





Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.