Istvan – “Istvan” Review

E que grande som temos aqui com os Istvan, estes desconhecidos que nos surgem pelas mãos da Aural Music, sempre atenta a propostas de qualidade inesperada. São cinco temas que nos transportam pelo stoner e pelo doom (à boa tradição dos Black Sabbath) mas sem antes ter aqui artes de psicadélico que fazem com que a sua música (quase) instrumental assuma artes hipnóticas capazes de nos fazer regressão a vidas passadas. Com uma sonoridade que por vezes faz lembrar os Karma To Burn (menos explosivos é certo) e os Om (não tão esotéricos) este álbum (ou será EP?) auto-intitulado é uma excelente surpresa.
Os temas desenrolam-se praticamente sem que se dê conta do tempo passar – mesmo considerando a duração curta, pouco mais que uma hora, é sem dúvida um feito a ter em conta, principalmente quando o stoner/doom (quase) instrumental tem tendência a tornar-se enjoativo com o uso. Aproveitamos também para esquecer o quase colocado duas vezes atrás entre parantesis, antes do termo instrumental. É que efectivamente a voz dá ar de sua graça, mas são momentos tão pequenos e rápidos, que não muda o cariz instrumental com que este trabalho se apresenta.
Sem dúvida é uma banda a conhecer a fundo – é algo que prometemos fazer depois de ouvirmos ainda mais umas vezes este trabalho – com uma música que tem tanto de simples (porque efectivamente a sua música é simples e não traz nada de novo) como de espantosamente eficaz, tendo até um certo cariz de progressivo onde as faixas mais longas se instalam como a “Mire”, a “Rundweg” e “Kenosis”. Nunca a música instrumental nos soou tão apelativa, relaxante e fantástica como aqui. Um daqueles trabalhos inesgotáveis que só pega mesmo pela sua curta-duração.
01. Bohor
02. Mire
03. Stonemill
04. Rundweg
05. Kenosis
Duração 33:28
2016 Aural Music 
Nota 8.6/10

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.