Shape Of Despair – “Alone In The Mist” Review

1. Down into the Stream
2. To Adorn…
3. Shadowed Dreams
4. Woundheir
5. …in the Mist
6. Outro
Duração 52:17
Temos que confessar que apanhámos um susto. Primeiro ficámos todos contentes por termos a oportunidade de fazer uma análise de um novo lançamento dos Shape Of Despair, afinal a banda finlandesa é uma das nossas propostas de funeral doom preferidas e o seu último álbum de originais, o excelente “Monotony Fields”, além de ter sido um dos álbuns do ano de 2015, é sem dúvida a melhor proposta da sua carreira. Depois começámos a ouvir “Alone In The Mist”, sem termos qualquer tipo de informação do que se tratava… e apanhámos um susto.
O som extremamente baixo, uma produção pobre. Olhámos várias vezes para a aparelhagem para confirmar os nomes das músicas, mas confirmou-se sempre, estávamos a ouvir a proposta correcta. Prestes a adormecer, foi quando procurámos saber mais sobre este “Alone In The Mist”. E aí fez-se luz. Foi nesse momento que nos apercebemos de que este álbum/demo foi gravada em 1998, antes da banda ter a designação Shape Of Despair – na altura era Raven – o que explica muita coisa. Obviamente posteriores audições teriam que se seguir, desta feita com o devido enquadramento.
Mesmo após a insistência, confessamos que a nossa reacção inicial não mudou muito. Apesar de termos aqui algumas das características que fazem parte da identidade da banda ainda hoje em dia, a produção e alguma falta de maturação de ideias acabam por retirar o potencial que “Alone In The Mist”, chegando-o a tornar aborrecido antes de ficar hipnótico. É uma edição limitada que os fãs da banda obviamente vão querer guardar, mas fora o interesse histórico, não há muito mais a assinalar. Agora se isto fosse regravado e retocado pela banda, sem dúvida que o interesse seria superior.
Nota 5/10 
Com o apoio de

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.