WOM Reviews – Mike Tramp / Hartmann / L’Uomo Nero / Diamond Dogs / Damn Freaks / Brad Brooks / Monday Riders

WOM Reviews - Mike Tramp / Hartmann / L’Uomo Nero / Diamond Dogs / Damn Freaks / Brad Brooks / Monday Riders

Mike Tramp – “Trampthology”

2020 – Mighty Music

O brilhante músico dinamarquês é daqueles que não engana. Sei da sua paixão pela música, pela profissão e acima de tudo do orgulho que tem por cada passo, por cada escolha na mesma. “Trampthology” é como um álbum fotográfico e por isso algo muito especial, uma vez que num lançamento estão reunidas 16 dos maiores temas de Mike ao longo da sua carreira solo com um “bónus” de quatro temas novinhos em folha para nos deliciar numa audição fabulosa. “Ain’t Done Yet”, “Take Me Away”, ”Every Time” e “I’ll Never Be Young Again” são momentos de comunhão musical unica e inspirada. Uma prenda de natal única e uma memória que fica para sempre!

10/10
Miguel Correia

Hartmann – “3”

2010 / 2020 – Pride & Joy Music

Hartmann é um guitarrista e vocalista alemão, conhecido por seus trabalhos ao lado de Avantasia, At Vance, Rock Meets Classic e o tributo alemão aos Pink Floyd chamado “Echoes”. Já passou pelo nosso crivo anteriormente com sucesso o que é natural para um músico com a sua versatilidade e neste caso “3” é uma reedição de mais um lançamento com selo de qualidade, editado originalmente em 2010. Tudo o que escrevi anteriormente é o resumo deste disco, marcado por aquilo que Hartmann é enquanto músico e onde destaco uma participação muito especial em “Brothers” de Tobias Sammet, que é sem dúvida alguma um toque extra, que soa como a cereja no topo do bolo. Brilhante!

10/10
Miguel Correia

L’Uomo Nero – “Andiamo Nel Deserto”

2020 – Desert Records

Que boa onda que os norte-americanos L’Uomo Nero nos trazem – sim não são italianos. Confesso que nome demorou a entrar – não estou certo que tenha efectivamente chegado a entrar, mas a música? Entrou logo, de rompante. Rock que até nem tem tanto de desert rock – principalmente para quem pensar em stoner e afins – mas que tem muita alma rock e blues em si. Tanta que transborda para além destes quatro temas que temos aqui. Primeiro de uma trilogia de Eps com quatro temas. Este está muito bom, venham os próximos.

8/10
Fernando Ferreira

Diamond Dogs – “Atlantic Juice”

2020 – Wild Kingdom

Compilação que traz músicas dos álbuns “That’s The Juice I’m On” e “Atlantic Crossover”, lançados pelos Diamond Dogs, ambos lançados em 2003. Não conhecia estes suecos mas foi uma agradável surpresa. Indo ao encontro do revivalismo que percorreu a música na viragem do milénio, estes temas são bem interessantes, cheios de swing e groove próprios do rock’n’roll de uns Rolling Stones. Boa onda, excelentes temas, é uma compilação que contagia e nos faz conhecer mais da banda.

8/10
Fernando Ferreira

Damn Freaks – “Love In Stereo”

2020 – Volcano Records

Na minha cabeça já está estabelecido há já muito tempo que, com produção mais moderna ou mais retro, o hard rock é um daqueles estilos que é intemporal, tal como o classic rock. Não é teimosia, é por ter álbuns como este “Love In Stereo” que surgem a soar frescos sem sequer tenhamos que dizer que soa a oitentas ou noventas. Soa, simplesmente bem. Os Damn Freaks são muito mais que apenas um projecto paralelo de Iacopo Meille, o vocalista dos Tyger Of Pan Tang (que também fez parte dos Fool’s Moon, banda que esteve na base dos Damn Freaks). Até porque o estilo está bastante distante. Hard rock clássico para entoar, para rockar e fazer air guitar, todos os elementos estão reunidos para boa diversão.

8/10
Fernando Ferreira

Brad Brooks – “God Save The City”

2020 – Mouth Magic Music

Rock com alma. Claro que não é nada que interesse às rádios mainstream porque isto até pode soar um bocado antiquado. Não, definitivamente soa antiquado mas este rock é sem dúvida um daqueles que nos faz pensar nos filmes norte-americanos do início da década de oitenta, onde havia quase sempre rock cheio de classe. Suavidade e classe é o que também temos por aqui. Confesso que alguns dos momentos puxam mais ao soul do que o esperado – como “Feel The Might” – mas no geral este é um trabalho que cativa facilmente para quem gosta de música.

7/10 
Fernando Ferreira

Monday Riders – “Fire, Blood And Gasoline”

2020 – Voice Music / Roadie Metal

Segundo disco para os brasileiros Monday Riders que nos trazem hard rock musculado e cheio de power. “Fire, Blood And Gasoline” é um título à americana assim como o som nos remete para o imaginário sulista da estrada e deserto norte-americano. Inspirado e ajudado por bons riffs e solos, só mesmo o timbre da voz que nem sempre parece ser aquele mais adequado, algo que poderá muito bem ser apenas uma questão de gosto pessoal. Para quem gosta de hard rock poderoso, recomenda-se.

7/10
Fernando Ferreira

Monday Riders – “The King Of The Highway”

2015 – Edição de Autor

Depois de ter ficado a conhecer os Monday Riders com o seu mais recente álbum, resolvi procurar pelo seu álbum de estreia, este “The King Of Highway” que, cujo seu maior pecado é mesmo a capa horrível. Bom feeling com aqueles riffs que transpiram a route 66, aqui um pouco mais um pouco old school na produção mas igualmente eficaz. A voz é que continua a ter o mesmo problema para mim mas não é algo que se meta (muito) no caminho da apreciação desta banda de hard rock brasileira.

7/10
Fernando Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.