WOM Reviews – Mob Rules / Alessandro Sparacia / Stargazery

Mob Rules – “Beast Over Europe”

2019 – Steamhammer / SPV

Os Mob Rules surgiram numa época de ouro para o power metal, onde até um nome como aparentemente estranho como “Mob Rules” faria sucesso. Bem, sejamos sinceros, não foi propriamente o nome que fez sucesso, foi a música por trás do mesmo. Com um power melódico e apelativo, a banda soube construir uma carreira de sucesso, com alguns altos e baixos (quem não os tem?) mas com qualidade e inteligência suficiente para atravessar o período de seca que o género atravessou. Apenas o vocalista Klaus Dirks se mantém desde o início e os temas aqui contidos neste álbum ao vivo e apesar de algumas incursões pelo passado, são os trabalhos mais recentes da banda que têm destaque, sobretudo o “Tales From Beyond” e o “Beast Reborn”, o último e aquele que motivou a digressão onde este trabalho foi registado. É uma boa apresentação do trabalho da banda e mesmo quem não é fã da banda, poderá potencialmente ficar depois de ouvir isto, apesar de algumas semelhanças descaradas a Iron Maiden em pelo menos dois temas.

Nota 8/10 
Review por Fernando Ferreira

Alessandro Sparacia – “Endless”

2019 – Volcano Records 

Já há muito tempo que o rótulo “rock instrumental” ou “metal instrumental” não está propriamente associado a termos um bom guitarrista a despejar escalas melódicas menores a torto e direito ao longo de oito faixas. Com o pós-rock/metal, apareceram muitas propostas que criaram outros paradigmas. E não deixa de ser engraçado termos com este “Endless” um pouco das duas abordagens. Mais ou menos. Não quero que sejamos acusados de publicidade enganosa até porque a aproximação ao pós-qualquer coisa é mínima, já para não dizer inexistente. No entanto o foco está sobretudo nos ambientes criados e também nos temas em si onde o talento do amigo Sparacia se revela em diversos campos mas o do piano e o da guitarra são sem dúvida os principais. Não deixamos de ser surpreendidos por dois temas cantados e quanto a esses, não sendo maus, ficamos com a certeza de que seria preferível que deixasse a voz para outra pessoa. Como é o caso de alguns magos da guitarra, como vocalista… Alessandro é um grande multi-instrumentista. Um trabalho que não se concretiza de forma tão excelsa como a que se antecipa no início mas ainda assim, um trabalho que representa a qualidade do músico italiano.

Nota: 7/10
Review por Fernando Ferreira

Stargazery – “Eye on The Sky”

2019 – Pure Steel Records

Os Stargazery são uma banda finlandesa formada em 2005 com três álbuns lançados dos quais vamos analisar o seu segundo, o qual sofreu uma reedição para lançamento de versão limitada – Eye on The Sky. O estilo desta banda encontra-se trancado dentro de um espectro musical que vai desde o heavy metal clássico ao power metal e isto é evidente neste álbum. A sua sonoridade é heroica por norma ao conjugar ritmos relativamente rápidos, um vocal melódico (que tende mais para o heavy metal) e uma guitarra igualmente harmoniosa. Por adotar uma componente muito fundamentada na narrativa ao longo de toda a sua duração, há um evitamento de repetitividades e concordantemente ocorre uma forte dinamização entre as diferentes faixas. Num todo, o enfoque do álbum é tipicamente sobre o vocal contudo não se nega a atenção dada a outros instrumentos, surgindo frequentemente baladas mais rijas que são capazes de qualquer um através da combinação de ritmo entre baixo e bateria (Judah (The Lion) por exemplo). Passando ao negativo, é um daqueles álbuns que induz um certo cansaço a ouvir de uma assentada só, provavelmente devido ao estilo de vocal que como é mais trabalhado é mais exaustante. Tirando isso, as únicas críticas que existem são aquelas relativas a aspetos mais subjetivos a cada um em termos da sonoridade geral desta banda e deste álbum. De acordo com isto, o álbum definitivamente bom contudo um maior estatuto que este dependerá da posição de cada um em relação ao estilo musical desta banda.

Nota 7.5/10
Review por Matias Melim

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: