WOM Reviews – Noise Transmission / Infected Rain / Of Mice & Men / Chrome Sky

WOM Reviews – Noise Transmission / Infected Rain / Of Mice & Men / Chrome Sky

Noise Transmission – “Dis-con-nec-ted”

2021 – Grazil

Esta foi uma excelente surpresa. Os Noise Transmission não são uma banda fácil de definir – sempre aquelas que mais gostamos por norma – mas podemos seguir-lhe o rasto até ao pós-rock, com a particularidade de utilizarem um pouco mais de peso e de também usarem elementos electrónicos sem qualquer tipo de pudor. Esses mesmos electrónicos ajudam a que tenhamos um ambiente frio e quase estéril mas ao mesmo tempo também rico na forma como nos transporta para um mundo muito específico. Uma obra mais rica do que aquilo que poderá parecer à partida. Como disse no início, uma excelente surpresa, mais que recomendada.

9/10
Fernando Ferreira

Infected Rain – “Ecdysis”

2022 – Napalm

Já aqui falámos da tendência para algumas bandas de metal moderno meterem o termo “progressivo” na descrição do seu som e de como a mesma se torna irritante mas ao ouvir este álbum dos Infected Rain consegue perceber-se exactamente o porquê disto acontecer. As ambiências e a voz limpa de Lena Scissorhands (grande nome) aproxima-nos nesse aspecto. Curiosamente a voz limpa e a alternância com a sua voz gritada também nos aponta na direcção do nu-metal e metalcore. Isto de uma forma positiva. É mais nesta segunda categoria que faz mais sentido colocá-los. As ambiências são fantásticas assim como a componente rítmica mas é a voz de Lena que nos conquista por completo e ajuda a tornar este álbum uma autêntica viagem.

8.5/10
Fernando Ferreira

Of Mice & Men – “Echo”

2021 – Sharptone Records

Forjados entre os destroços do Nu-Metal e os primórdios do Metalcore os Norte-Americanos Of Mice & Men chegam a 2021 com o seu sétimo álbum de originais na bagagem. Numa decisão no mínimo estranha mas cada vez mais usual nos dias que correm os Of Mice & Men foram revelando grande parte de ‘Echo’ através de dois EP’s lançados precisamente em Fevereiro e Maio (‘Timeless’ e ‘Bloom’ respectivamente). Bastante marcados pela conjuntura de terem surgido precisamente no intervalo dos dois maiores hypes que pautaram o paradigma da musica mais pesada nos Estados Unidos nas ultimas duas décadas cedo os Of Mice & Men abraçaram as influências em seu redor, e se é verdade que a banda passou por alguns altos e baixos durante a sua carreira também é verdade que ‘Echo’ demostra uma solidez estreitamente ligada a maturidade musical que a banda atingiu entretanto. ‘Echo’ mostra-nos uns Of Mice & Men altamente conscientes da sua competência em termos de composição e de quais os aspectos mais potenciadores da sua mescla de Metalcore com Nu-Metal, por isso talvez não seja por acaso que temas como ‘Obsolete’, ‘Bloom’, ‘Pulling Teeth’ ou a “Slipknotiano” ‘Mosaic’ se tornem mais sedutores e orelhudos a cada nova audição.

7.5/10
Fernando Ferreira

Chrome Sky – “Binary”

2021 – Chrome Sky

É bom ver uma banda de metal industrial à antiga. Isto poderá parecer algo contraditório já que o industrial está muitas vezes associado ao que é moderno e ao último grito das tendências da música electrónica (num espectro da coisa) e isso por vezes confunde-se com o fundir apenas com música de dança. E apesar do que possa parecer aqui em faixas como “Death Of Hero” e “Kleenex”, não é esse o foco principal. A estrutura de temas é o de rock alternativo do final da década de noventa (daí a sensação do industrial à antiga) que se convertem com um propósito, enriquecer a canção como canção sem cair na armadilha de juntar flatulências electrónicas da moda apenas para cativar os jovens incautos. “Binary” é uma proposta intrigante, longe de ser apelativa mas é esse desprezo que faz com que se torne realmente apelativo.

7/10
Fernando Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.