WOM Reviews – Scarlet Aura / Traveler / Palace / Dark Forest / Riverside Crow / Lyonen / Elvenpath / Wings Of Destiny

WOM Reviews - Scarlet Aura / Traveler / Palace / Dark Forest / Riverside Crow / Lyonen / Elvenpath / Wings Of Destiny

Scarlet Aura – “Stormbreaker”

2020 – Silver City Records

Neste tipo de trabalho como já referi em tempos vão-nos surgindo coisas muito interessantes e é sempre importante não elevar muito as expectativas numa audição para que muitas das vezes a coisa não caia.

Foi o caso de “Stormbreaker” dos romenos Scarlet Aura. Estava naquela do que isto ia dar, até onde me ia levar e yeah, fiquei surpreendido pela positiva com aquele que é o segundo álbum do seu “Book of Scarlet Trilogy” que segue os livros de fantasia escritos pela própria vocalista. O lançamento de 2019, “Hot N’ Heavy “, foi acompanhado pelo primeiro livro da série chamado “Ignition” e neste ano de 2020 além de lançarem um novo álbum, a banda lançou um novo livro de fantasia para o acompanhar.

Musicalmente, este disco é um excelente cartão de visita para a banda oriunda do Leste da Europa, mais concretamente da Roménia e para aqueles que gostam de metal puro, pesado, com vocais femininos fortes e sedutores, então este disco é para vocês!

10/10
Miguel Correia

Traveler – “Termination Shock”

2020 – Gates Of Hell Records

Os Traveler (os canadianos, não os do E.U.A.) voltaram com outro álbum após a estreia no ano passado e este álbum consegue ser igualmente bom, senão for ainda melhor. Heavy metal tradicional mas com uma apetência (bem positiva) para melodias que são recebidas no nosso cortex cerebral como se fossem velhas amigas. A simplicidade, nestes casos, é a alma do negócio. Simplicidade inteligente, guiada pelo coração, um coração bem metálico. “Termination Shock” poderá aparecer numa época onde se sente que já não há mais nada de novo, mas mesmo assim acredito que cada vez que soe, vai marcar pontos. E cada vez soar melhor.

9/10
Fernando Ferreira

Palace – “Reject The System”

2020 – Massacre Records

Os germânicos Palace celebram 30!!! Anos de carreira e eu pergunto porque nunca ouvi falar deles?“Reject The System” é o disco número 9 do seu catálogo e apresenta dez faixas de puro heavy metal, inspirado no glorioso som dos anos 80, cheio de vida, furioso e que no final fica a garantia da necessidade de recurso a um qualquer analgésico para aliviar as dores que temos no pescoço. O álbum começa com a batida pesada de “Soulseeker, exibindo uma sensação pesada da onda da famosa NWOBHM e coisa vai por ali fora de forma fácil sem qualquer rodeio ou presunção.Adorei e recomendo vivamente este disco…é um flashback único!

10/10
Miguel Correia

Dark Forest – “Oak, Ash & Thorn”

2020 – Cruz Del Sur Music

Curti o nome deste disco, muito original sem aqueles enredos pomposos muitas vezes utilizados e que depois vamos ouvir e não dá em nada. Vamos lá, do Reino Unido para o mundo vem os Dark Forest, banda, que amante da natureza, ok já deu para ver isso, que anda na luta desde 2009 e apresenta um trabalho muito, muito interessante de power heavy metal, estruturado naquilo que são as suas tradições.

Este quinto disco é algo para levar a sério, pois por aqui estão dos melhores temas que se podem ouvir. Sabem, é disto que muitas vezes precisamos de ouvir para ter a esperança de que o do metal futuro está mais do que assegurado e que há muitos nomes à procura do seu espaço e a merecer toda a atenção.

10/10
Miguel Correia

Riverside Crow – “Offtopic”

2020 – Eboncrown Records

O grupo surgiu após a dissolução de muitas outras bandas vienenses como os Devilate, Cemetary Garden, An Act Of Treachery e os Harmanic. Marcados por um som de rock pesado, com voz limpa, orientado para malhas metal os Riverside Crow colocam em “Offtopic” todas as fichas num jogo de ou ganhas ou perdes!Para mim, este disco é uma aposta ganha e que com toda a certeza em tempos normais seria a chave para os levar a abrir para grandes nomes ou até a integrar grandes festivais.Vamos ver o próximo passo.

9/10
Miguel Correia

Lyonen – “This Is Lyonen”

2020 – Ideoedetn

Amor ao heavy metal é algo que temos sempre fraquinho, mesmo quando o produto desse amor não é propriamente digno de nota. Não é o caso com este trabalho que teve como principal impulsionador Luís “Tato” Rivas, venezuelano radicado nos E.U.A., um heavy/power metal cheio de virtuosismo e que apesar de ter uma bateria programada, é bastante orgânico. Chegamos até a ter quase um solo de bateria na “Nehme Die Sünde”. Cheio de bons detalhes, uma boa voz (Craig Cairns que participou como músico de sessão), “This Is Lyonen” é um álbum sólido apesar de não dar a sensação de que se está perante uma banda e sim um projecto pessoal.

8/10 
Fernando Ferreira

Elvenpath – “Metal O’Clock”

2020 – Edição de Autor

Caricata capa e até título, mas são os Elvenpath, já esperamos power metal divertido e até, de certa forma, inocente. Este EP não é excepção com quatro temas que totalizam a inesperada marca de quarenta minutos (!). Isto porque além de serem todos com duração superior a seis minutos, um deles tem quase vinte – “Cathedral Of The Earth”. Quem chegar aqui pode vir convencido de que não vai encontrar nada de especial mas depressa vai ficar agradavelmente surpreendido, já que são quarenta minutos de diversão metálica e épica garantida.

8/10
Fernando Ferreira

Wings Of Destiny – “Ballads”

2020 – WormHoleDeath

Com um título como “Ballads”, seria de pensar que o quinto álbum de originais dos Wings Of Destiny seria mais baladeiro e suave. Nem por isso, embora tenhamos aqui alguns momentos a apelar ao sentimento, mas nem nesses deixamos de ter boa intensidade metálica, nem que seja através de bons solos de guitarra. Power metal inspirado e cheio de feeling, como manda a lei e ainda conta com uma série de convidados especiais como Mike Vescera, Victor Smolski e Timo Tolkki entre outros). Mesmo que não ascenda a ser um clássico do estilo, a banda da Costa Rica demonstra estar ao nível das melhores da América Latina.

8/10
Fernando Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.