WOM Reviews – Tokyo Motor Fist / Bloody Heels / Bad Whispers / Mark Spiro / Tygers Of Pan Tang / Faceless Mirror / Enuff Z’Nuff / Jeremy Harry Harris

WOM Reviews - Tokyo Motor Fist / Bloody Heels / Bad Whispers / Mark Spiro / Tygers Of Pan Tang / Faceless Mirror / Enuff Z’Nuff / Jeremy Harry Harris

Tokyo Motor Fist – “Lions”

2020 – Frontiers Music

“Cruzei-me” com a banda numa das minhas horas de Youtube e fiquei surpreso pela qualidade apresentada, claro que quando percebi quem está na linha dos Tokyo Motor Fist só deu para ter a certeza de com músicos destes há selo de qualidade.

Mas eis que chegou “Lions”, completo para audição e review e logo pensei, pelo que ouvi vai ser fácil, pois os tipos são bons no que fazem e este disco será daqueles que se ouve vezes sem conta e claro as expectativas corresponderam e aconteceu estar perante um disco de sonoridade Hard Rock excelente, interpretado por grandes músicos como Ted Poley ex-vocalista dos Danger Danger, o guitarrista e produtor dos Trixter, Steve Brown, juntamente com o baixista Greg Smith (Ted Nugent, Rainbow, Alice Cooper) e finalmente o baterista Chuck Burgi (Rainbow, Blue Oyster Cult, Joe Lynn Turner). Recomendo!

10/10
Miguel Correia

Bloody Heels – “Ignite the Sky”

2020 – Frontiers Music

Um disco rockeiro, genuinamente inspirado e inspirador é a mais recente proposta dos alemães Bloody Heels! “Ignite The Sky” vem cheio daquelas malhas dos brilhantes anos 80 que tanto marcaram uma geração, cheias de energia, melodia e que em outros tempos iria facilmente fazer parte dos tops musicais em todo o lado, pois é composto por um conjunto de temas que facilmente entram no ouvido do mais resistente, com uma produção moderna de alta qualidade que lhes dá um apelo atemporal. Rock de arena, de fazer saltar audiências é disto que o mundo precisa!

10/10
Miguel Correia

Bad Whispers – "Burn Out"

2020 – Edição de Autor

Após uma introdução interessante, Bad Whispers abre seu trabalho com a faixa que deu nome ao trabalho. Um heavy metal com alguns elementos modernos. Uma ótima produção, todos os instrumentos com ótimos timbres e muito bem captados. Neste novo álbum, que apresenta um total de 13 músicas, dou um destaque para o vocal de Bem Red TRigger. Contudo, a banda toda está em boa forma, sem muitos exageros em nenhum instrumento cada um faz a sua parte trazendo um trabalho muito bom de escutar. Os amantes de Alter Bridge, assim como eu, vão gostar muito!

10/10
Carlos Lichman

Mark Spiro – “2+2=5: Best Of + Rarities”

2020 – Frontiers Music

Como o próprio título deixava antever estamos perante um Best Of do experiente Mark Spiro, compositor e produtor americano, com uma carreira de mais de duas décadas dedicadas à música. Entre suas muitas realizações estão 45 discos de ouro e platina e nove álbuns solo. Suas músicas e produções foram representadas em álbuns que venderam mais de 100 milhões de cópias em todo o mundo. Esta compilação, compilação traz-nos o melhor do seu material a solo e também inclui 13 temas inéditos marcados pelas colaborações de composição de Dann Huff (Giant), Michael Thomson (MTB), Jim Vallance (Bryan Adams) e Tim Pierce.

10/10
Miguel Correia

Tygers Of Pan Tang – “Ambush”

2012 / 2020 – Mighty Music

2012 foi o ano em que este disco foi lançado e agora pela mão da Mighty Music surge uma reedição remasterizada por Soren andersen de um dos discos mais marcantes da história dos Tygers Of Pan Tang. Na época a banda trabalhou com o conhecido Chris Tsangarides e daqui saíram hinos como “One Of A Kind”, “Burning Desire”, “Keeping Me Alive”e “She”. Um marco na história da banda que vê novamente a luz do dia!

10/10
Miguel Correia

Faceless Mirror – "Journey Home"

2020 – Gyrostream

Um Country Rock bem roots! Para os amantes do Rock dos anos 60 e 70, Faceless Mirror é uma ótima opção. Belas harmonias, belos vocais, os arranjos de uma forma geral são muito bem feitos e tudo está em seu devido lugar nas músicas. Só não é um trabalho perfeito devido a baixa produção, isso digo que o som do próprio trabalho está baixo. Um investimento maior na gravação e produção do trabalho pode ajudar a destacar algo que já está muito bom. Fica a dica.

7/10 
Carlos Lichman

Enuff Z’Nuff – “Generation Brainwashed”

2020 – Frontiers Music

Nunca fui daqueles fãs dos Enuff apesar de reconhecer qualidades e excelentes composições em situações pontuais. A mais recente proposta da banda não me conseguiu agarrar mais uma vez. Lá está, há boas músicas, daquelas que agitam, como “Fatal Distraction”, mas o disco num todo não me conquistou. Reconheço a persistência de Chip em manter o legado, que chegou onde muitos não conseguiram e acima de tudo reconheço o mérito na mensagem que este disco tem para uma geração totalmente alheada de uma realidade.

7/10
Miguel Correia

Jeremy Harry Harris – “Kings Of Time”

2020 – Rock Puppy

Nome totalmente desconhecido para mim, tenho de admitir. E é sempre uma boa forma de me cativar, algo desconhecido que potencialmente poderá ser uma pérola. Após alguma investigação, verifica-se que Jeremy Harry Harris é o vocalista dos Stone Circle (igualmente desconhecidos) que após algum tempo parado volta para o seu primeiro álbum a solo. Bem, quanto a ser uma pérola, não foi desta, mas faz parte da demanda, encontrar algumas decepções. Não que “Kings Of Time” seja propriamente uma decepção – sem expectativas a pressão é inexistente – mas sem dúvida que é tudo menos memorável. Rock suave e melódico a pender para juntar baladas ao barulho mas um bocado inconsequente. 

5/10
Fernando Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.