fbpx

WOM Reviews – Obscura / Pathology / Tvmvlo / Genocide Pact

WOM Reviews - Obscura / Pathology / Tvmvlo / Genocide Pact

Obscura – “A Valediction”

2021 – Nuclear Blast

Que álbum do carvalhão! Os Osbcura são, praticamente desde que iniciaram a sua carreira, uma das referências maiores do death metal mais técnico a nível mundial. E a cada álbum lançado é apenas mais uma pedra a reforçar essa mesma posição. A mesma sai reforçada com “A Valediction” pela capacidade de construir temas que são sempre tecnicamente abusados como esperado mas que conseguem contagiar com um sentido melódico que apenas faz com que se esboce um sorriso na cara como se estivessemos a tocar com a banda. Já disse muitas vezes, brutalidade com melodia é ouro. Conseguir juntar a isso um elevado grau de técnica e domínio dos instrumentos e não permitir que isso se torne no centro das atenções, não roubando protagonismo aos temas, não é mesmo mesmo por todos. Algo que os alemães aqui fazem parecer fácil. Um álbum que é um sonho molhado para quem vibra com o virtuosismo em conjunto com temas que marcam e impressionam ao mesmo tempo.

9.5/10
Fernando Ferreira

Pathology – “The Everlasting Plague”

2021 – Nuclear Blast

2021 nem poderia ser um melhor ano que 2020 se não tivessemos uma pomada bruta dos Pathology. Death metal bruto e impiedoso que não dá consesões. Uma banda que anda nisto há quinze anos não tem muitos segredos, principalmente se andar nisto do brutal death metal. Então ainda assim como é que se consegue apresentar uma obra de arte destas violenta sem soar sempre ao mesmo? Pequena noção de perspectiva, depende sempre do sítio onde estás. Se estás no meio da cena, a coisa vai-te soar bem, vais conseguir vibrar com todo o poder, com a produção límpida, com o groove e com o simples facto de que todos estes termos que podem significar desvios à identidade firmada não significa desvio porra nenhuma. Agora se estás fora… claro, vai soar tudo ao mesmo. Tal como aquele conjunto de letras num livro com mais de duzentas ou trezentas páginas. Ou sem imagens. Não é para curiosos, é para quem fala a linguagem do death metal bruto dos queixos.

9/10
Fernando Ferreira

Tvmvlo – “The Well Of The Lost Children”

2021 – Doomed

Death metal old school é um termo que se vê ser usado amíude para tentar capturar a atenção de quem não gosta da evolução ou das encarnações mais modernas do estilo. Algumas vezes sem grande razão para isso. Os Tvmvlo podem ser no entanto são o exemplo onde a designação assenta que nem uma lva. Do som às composições em si, é um regresso aos tempos mais primordiais da música extrema. A produção é crua mas não deixa de mostrar o que se está a passar na perfeição. E o que se passa? Death metal como nos foi ensinado pelos primeiros álbuns de bandas como Death e Possessed, a beber directamente à fonte mas sem por isso a ser uma mera cópia e é neste ponto que “The Well Of The Lost Children” se mostra à frente da concorrência. Vai para além do mero saudosismo para mostrar uma banda que apesar de se reger pelas regras iniciais, não deixa de ter o seu cunho pessoal.

8.5/10
Fernando Ferreira

Genocide Pact – “Genocide Pact”

2021 – Relapse

Ao terceiro álbum de originais, não é de ficar muito surpreendido com aquilo que os Genocide Pact nos apresentam. Diz o mito urbano que o terceiro álbum de qualquer banda é aquele que a longo prazo pode tanto definir a banda como também estabelecer a sua identidade em definitivo. Também diz o mito que os álbuns auto-intitulados são sempre especiais. Podemos dizer que para ambos os efeitos os Genocide Pact estão-se a borrifar para isso por completo. O seu death metal é tão primitivo aqui como foi no primeiro e segundo álbuns assim como será daqui para a frente. E não é nada influenciado por ser um trabalho homónimo. Aliás, o death metal da banda não vai passar muito disto e ainda bem, porque é assim que ele é mais eficaz, sem invenções nem merdas. Curto, grosso e cavernoso. Como não gostar?

8/10
Fernando Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.